segunda-feira, 1 de abril de 2019

Projeto Brain IDeas | DECO



Com o objetivo de aumentar a consciência dos alunos acerca do valor da Propriedade Intelectual, tivemos na semana passada na nossa escola a presença da formadora Isa Tudela, da DECO, que dinamizou sessões para as turmas dos 6.ºA e B, 7.ºA e D e 8.ºD

Estas sessões inserem-se no âmbito do Projeto Brain IDeas, desenvolvido pela DECO, sensibilizando os alunos para as duas áreas da propriedade intelectual: a propriedade industrial e os direitos de autor e direitos conexos, sendo estes um conjunto de normas criadas para proteger obras originais dos domínios literário, científico e artístico, com o objetivo de garantir que os autores, intérpretes e executantes sejam reconhecidos e recompensados pelo seu trabalho de criação, interpretação ou execução.

quinta-feira, 28 de março de 2019

PRÉMIO AUTORES 2019 | VENCEDORES


A cerimónia de entrega do Prémio Autores 2019, promovido pela Sociedade Portuguesa de Autores, com apresentação de Inês Fonseca Santos e Luís Caetano, teve lugar no Grande Auditório do Centro Cultural de Belém, ontem, dia 27 de março de 2019, com transmissão em direto pela RTP2.
  
MELHOR LIVRO INFANTO-JUVENIL

As Palavras que Fugiram do Dicionário” de Sandro William Junqueira
Ilustração: Richard Câmara 
Editora: Editorial Caminho

Já podes ler o MELHOR LIVRO INFANTO-JUVENIL, "As Palavras que Fugiram da Dicionário",  na nossa biblioteca!




MELHOR LIVRO DE FICÇÃO NARRATIVA

O Invisível” de Rui Lage
Editora: Gradiva

MELHOR LIVRO DE POESIA

Sombra Silêncio” de Carlos Poças Falcão
Editora: Opera Omnia

terça-feira, 26 de março de 2019

Desafio de Escrita | Semana(s) da Leitura(s)

Desafio de Escrita, lançado na(s) Semana(s) da Leitura(s), incitava os alunos a escrever um texto criativo que começasse com uma personagem a abrir uma porta...
Eis os textos vencedores:
 2.º Ciclo
                                                    









3.º Ciclo

                                                                    O cetro do poder

E resolvi abrir a porta. Lá estava! Aquilo que eu mais precisava…
Deixem-me voltar atrás e explicar. Eu sempre tive uma chave muito valiosa deixada pelo meu bisavô. Essa chave abria um cofre que continha um cetro muito poderoso, mas o que interessava, era uma esfera que se encontrava em cima do mesmo que podia controlar a meteorologia em qualquer lugar do planeta.
O cetro, assim como o mapa para o encontrar, foram expostos ao mundo, logo muitos países foram em busca dele, incluindo o meu.
O governo pediu ajuda à minha agência secreta pois tínhamos uma grande vantagem: eu tinha a chave, por isso a agência escolheu-me e ao meu companheiro Richard (de ascendência americana) para encontrar o cetro. E lá fomos.
Primeiro passamos pelo Paraguai para contactar um espião nosso que nos deu informações sobre quem seria o nosso pior inimigo nesta busca (Jason Morrison dos Estados Unidos).
Depois dirigimo-nos a Sydney onde se encontrava o cetro. Rapidamente encontramos a sua localização (debaixo de um café), procuramos por todo o café e finalmente encontramos uma passagem secreta na cozinha, movendo o fogão para a parede.
Descemos, vimos um cofre, a chave serviu na porta e lá estava o cetro. Tirei logo a esfera e pu-la na mochila.
De repente Jason desce, aponta-nos duas armas e pede-nos o cetro. Resolvemos negociar: trocamos o cetro pela vida. Escapamos ilesos! Jason não percebeu: o cetro sozinho era inútil!
A minha agência ficou com a esfera. Objetivo concluído!!!
João Dias, 7.ºC

                                              Secundário                                                      


                                                A Sombra e a Incógnita

Hoje uma pessoa enigma abriu-me a porta da amizade.
Chamava-se assim e era como se fosse a minha irmã gémea. Gostávamos de estar juntas e, mesmo sem nenhuma palavra, entendíamos o que a outra sentia ou pensava.
Divertíamo-nos com enigmas e puzzles de cabeça. Um dia fizemos uma viagem ao mundo dos sonhos, que era onde estavam todos os nossos objetivos. Sabíamos que teríamos de lutar muito para os conseguirmos realizar. Era essa a função da nossa vida e era por isso que todos os nossos sonhos não passavam de fantasias. Possivelmente seria necessário muito mais tempo para realizar todos os sonhos que idealizáramos. Construímos uma vida criada a partir dos nossos objetivos, vivendo na tristeza de não os conseguirmos realizar todos.
Numa tarde de nevoeiro e de chuva, correremos para apanhar o avião de volta ao mundo real. Contudo, um carro a alta velocidade não conseguiu travar a tempo e junto fui eu, ela e todos os nossos mistérios. Era a pessoa mais importante que eu tinha, era o meu mistério mais seguro e mais bem guardado. Era a versão mais adulta do que eu seria.

Mariana Reis, 10.ºI


Parabéns aos vencedores!


Desafio "Kit do Leitor Feliz" | Semana(s) da Leitura(s)

Exposição Livros&Filmes | Semana(s) da Leitura(s)


Concurso de Poesia "Há Poesia na Escola" 2019


Os alunos vencedores na Fase de Escola deste concurso concelhio foram:

2.º Ciclo
Diana Madeira5.ºA

Secundário
Mariana Reis, 10.º I

Muitos parabéns!

A aluna Diana Madeira, do 5.ºA, obteve o 3º lugar na Fase Concelhia. 
O prémio será entregue no dia 23 de abril na BMC.

Recordamos que o tema do concurso deste ano era a "Interculturalidade". 
Vamos conhecer os poemas da Diana Madeira, com o título "Todos a despertar", e da Mariana Reis, com o título "Muito posso aprender contigo":


Vamos lá a acordar
Para o mundo melhorar.
Sempre juntos a mudar
E a todos respeitar!

De Interculturalidade
Está na hora de falar,
Com muita maturidade
Vamos todos ajudar!

O segredo é acreditar
Que somos todos iguais!
Vamos sempre confiar
Eu, tu e os demais!


Temos todos de aprender

A olhar sem julgar!

E assim vamos crescer

Com vontade de aceitar!


Sem cores a rotular

Nem riqueza a distinguir.
Temos mesmo de mudar,
Para o mundo todo sorrir!

E para finalizar,

Vale a pena acreditar
Que juntos a respeitar
Vamos todos lá chegar!
                      Diana Madeira. 5.ºA

                      Tenho muito a aprender contigo,
tu só me podes enriquecer.
Entre o teu país e o meu,
muito há para conhecer.

Entre as diferenças e as semelhanças
há um longo caminho a percorrer.
Da história temos as lembranças
e no futuro muito para reconhecer.

O teu país e a tua cultura
muito me podem ensinar.
Espero estar à altura,
pois há muito para explorar.

Já houve amizade e discussão,
já houve guerra e paz.
Num mundo onde não há compreensão,
esperemos que tudo fique para trás.

Nesta vida, todos somos diferentes,
muito há para partilhar.
Não sei muito bem o que sentes,
mas eu estou disposta a tentar.

Juntos seremos mais ricos,
com uma riqueza inigualável.
Entre flores e picos,
a nossa amizade é provável.

Nada nos pode separar,
nem raça, religião ou cor.
Cabe-nos sempre lutar
para crescermos como uma flor.

O Mundo é redondo
e movido pelo amar.
Todos temos de ir pondo
algo para o movimentar.

                            Mariana Reis. 10.ºI

quinta-feira, 21 de março de 2019

21 de março | Dia da Poesia



O Dia da Poesia, 21 de março, foi assinalado com a  atividade "Dar Poesia a Coimbra", pela mão das professoras Eugénia Pardal, Graça Mendes e Margarida Figueiredo, com as suas turmas do 7.º8.º e 9.º anos". 








A atividade começou na própria escola, onde os alunos percorreram algumas salas de aula, serviços administrativos e as Direções das duas Escolas, Básica e Secundária Quinta das Flores e Conservatório de Música de Coimbra, saindo depois pela cidade, recitando e cantando poesia em português, e mesmo em inglês, em diversos locais, inclusive nos autocarros dos SMTUC, que deram a sua colaboração permitindo a circulação gratuita dos alunos.


A turma do 8.ºA, com a respetiva professora Eugénia Pardal,  foi mesmo recebida no Salão Nobre da Câmara Municipal de Coimbra, que registou o momento na sua página de Facebook:

"Os alunos de uma turma do 8º ano da Escola Secundária Quinta das Flores estiveram, esta manhã, no Salão Nobre dos Paços do Município, a declamar poemas, na presença do presidente da Câmara Municipal de Coimbra, Manuel Machado, como forma de assinalarem o Dia Mundial da Poesia.
“Amor é fogo que arde sem se ver”, de Luís Vaz de Camões, “Lágrima de Preta”, de António Gedeão, e “People need people”, de Benjamin Zephaniah foram os poemas escolhidos pelos alunos.
Manuel Machado agradeceu a visita dos jovens poetas, que continuaram a sua missão de declamarem poesia pelas ruas de Coimbra."

quarta-feira, 20 de março de 2019

Concurso de Leitura Expressiva



Hoje decorreu o Concurso de Leitura Expressiva, integrado na(s) Semana(s) da Leitura(s). Os alunos do 2º e 3º Ciclos realizaram as leituras de um texto poético e de um texto narrativo com empenho e entusiasmo. 

Dado o elevado número de alunos do 2.º ciclo inscritos, este ano foram constituídos dois júris para este nível de ensino: um com as professoras Ana Paula Miraldo, Eugénia Pardal e Margarida Figueiredo e outro com as professoras Graça Mendes, Marta Roque e Rosa Duarte. 
O júri do 3.º ciclo foi constituído pelas professoras Antonieta Mendonça, Cecília Duarte e Florbela Moura. 
A qualidade das provas não facilitou a tarefa dos júris, mas eis o resultado final:

2.º Ciclo
1.º lugar (ex aequo
Bruno Cruz, 5.ºA
Diana Madeira, 5.ºA

2.º lugar (ex aequo)
Carolina Lucas Tomás, 5.ºA 
Maria Inês Prata, 5.ºA

3.º lugar (ex aequo
Kyara Folgado, 5.ºA
Maria Gil Castelhano, 6.ºB

3º Ciclo 
1º lugar
Júlia Vieira Rodrigues, 7.ºC

2º lugar
Eduardo Henriques, 8.ºB

3º lugar
João Dias, 7.ºC

Os júris e a equipa da BE louvam todos os participantes pela qualidade das suas leituras, pela capacidade de lerem com alma, sensibilidade e prazer, bem como o empenho revelado na concretização desta atividade. Parabéns a todos! Continuem a participar!

domingo, 17 de março de 2019

Miúdos a Votos | Dia de Eleições





O dia 15 de março foi Dia de Eleições do "livro mais fixe", no âmbito da iniciativa "Miúdos a votos". Houve duas mesas eleitorais, uma para o 2º e outra para o 3º ciclos.
Contados os votos, o livro mais votado pelo 2º ciclo foi "A Menina do Mar", de Sophia de Mello Breyner Andresen e o livro mais votado pelo 3.º ciclo foi "Harry Potter e a Pedra Filosofal", de J. K. Rowling.
Os alunos ficaram a saber como se desenrola todo o processo eleitoral, aprendendo de que forma se vota (direito/dever), participando na mesa e apurando os resultados (votos válidos, brancos e nulos). 

Parabéns a todos os alunos participantes e a todos quantos exerceram o seu direito de voto e um viva e um louvor especial para a turma do 5.ºA,  em que votaram todos os alunos!

quinta-feira, 14 de março de 2019

Exposição sobre Timor

Ai, Timor
Se outros calam
cantemos nós

Numa aula em que as disciplinas de Português e História e Geografia de Portugal deram voz a Timor, fez-se o seu enquadramento histórico, geográfico, político e social para abrir espaço à literatura com o estudo da Lenda de Timor.
Foi o primeiro passo de um projeto interdisciplinar, no âmbito do Domínio de Articulação Curricular (DAC), que contemplou trabalho de pesquisa sobre População, Línguas, Figuras Ilustres, Tradições e Costumes, Música, Dança e Destinos Turísticos e a elaboração de cartazes criativos. Associados a um crocodilo, símbolo de Timor, apresentam, de forma simples e apelativa, diferentes facetas do mais jovem país do mundo, numa exposição patente ao público no átrio de entrada da Escola.
Este projeto, que envolveu as turmas do 5º ano, revelou a proficuidade do tratamento interdisciplinar de conteúdos programáticos e a mais-valia do trabalho colaborativo de alunos que, em grupo, percorrem caminhos de descoberta e chegam ao mundo do conhecimento.

Miúdos a votos - Campanha eleitoral

terça-feira, 12 de março de 2019

sábado, 9 de março de 2019

Plasticologia Marinha | Oceanário de Lisboa


O Oceanário de Lisboa pretende contribuir para elevar a literacia do oceano e a sua conservação, tendo como base os valores da sustentabilidade e da necessidade de proteger a biodiversidade marinha, dinamizando, neste contexto,  ações de Plasticologia Marinha que, na passada sexta-feira, dia 8 de março, contemplaram a nossa escola. 

Assim, os alunos de cada uma das três turmas do 5.º ano receberam, através da formadora Andreia, bióloga do Oceanário, informação detalhada, dicas e curiosidades sobre o tema, e desenvolveram de forma acalorada atividades práticas e desafios vários, visando a diminuição do consumo do plástico no dia a dia, não só em contexto escolar mas também familiar.

Louvamos a iniciativa do Oceanário e esperamos que cada aluno seja um elemento replicador do que aprendeu, a bem da sustentabilidade do ambiente do nosso planeta!

sexta-feira, 8 de março de 2019

8 de março | Dia Internacional da Mulher


Querem dar também uma espreitadela às sugestões do PLano Nacional de Leitura para este dia? São variadas e muito interessantes, como podem confirmar aqui!

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019

2.º Concurso KIT DO LEITOR FELIZ


O Ano da Morte de Ricardo Reis | ETCetera Teatro




As turmas do 12º ano assistiram à peça teatral "O Ano da Morte de Ricardo Reis", no âmbito da disciplina de Português. 


Este espetáculo, produzido pelo grupo "ETCetera Teatro", teve como objetivo a sensibilização ao estudo da obra de José Saramago.



terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

20 de fevereiro de 2019 | Fase Municipal do CNL



É já amanhã a Fase Municipal do Concurso Nacional de Leitura, onde estarão presentes os alunos representantes da nossa escola - dois por cada ciclo de ensino.
O sítio da Rede de Bibliotecas de Coimbra anuncia também o CNL aqui!