quinta-feira, 22 de novembro de 2018

Projeto de Rádio Escolar EBSQF



Um sonho sonhado sozinho é um sonho.
Um sonho sonhado junto é realidade (Yoko Ono).

Finalmente chegou o dia em que a realidade permitiu ver o brilho nos olhos de alguns jovens que há três anos começaram a sonhar em ser locutores de rádio.

Decorria o ano letivo de 2016/2017, quando a professora GF, aproveitando a sua experiência como locutora/realizadora da Rádio Universidade de Coimbra, lançou os primeiros desafios, a alunos do 2º ciclo de ensino básico, sobre locução, apresentação de espetáculos, o estar atrás de um microfone.
Os miúdos tinham jeito, eram empenhados e queriam aprender como era … e no ano letivo de 2017/2018, o grupo apresentou uma candidatura ao Orçamento Participativo da EBSQF, no sentido de ser adquirido equipamento profissional que permitisse apetrechar o já criado Clube de Rádio, que até então tem funcionado com parcos recursos.
Hoje, chegado o equipamento à escola, o grupo, constituído por catorze alunos, de diferentes níveis e com idades entre os nove e os quinze anos, tem objetivos bem definidos quanto ao Projeto de Rádio Escolar EBSQF e as suas atividades já são variadas, tais como: locução, produção áudio, sonoplastia e, quinzenalmente, aos domingos, às 18 horas, tem um programa na RUC – Rádio Quinta das Flores, a rádio na mão dos miúdos”. Quem já teve oportunidade de ouvir, ficou, certamente, fã das escolhas musicais destes jovens e preso à sua locução.
Agora, com o equipamento novo, a comunidade educativa da EBSQF vai poder contar, com regularidade, com emissões que contemplam um bloco noticioso, às 2ª feiras, pelas 10 horas, sobre a “Semana da Quinta”, e outros blocos à hora de almoço por diversos alunos.


Palestra "A Ciência e a Escrita" pelo Dr. António Piedade


No dia 21 de novembro, os alunos de Literatura Portuguesa das turmas do 10.º G e 11.º G assistiram à palestra "A Ciência e a Escrita", proferida pelo Dr. António Piedade. A iniciar, quatro alunos fizeram a leitura expressiva de poemas do nosso convidado, do livro "Fonte de Coretos". 
O Dr. António Piedade enfatizou a ideia de que a ciência sempre usou a escrita para se divulgar e, logo, para ser ciência. Sem comunicação dos resultados científicos não pode haver ciência, por isso a escrita de ciência assume uma componente crucial. Mas há diferentes "escritas" de ciência, desde logo o artigo científico, passando pela literatura até à poesia. 
Na palestra foram ainda apresentados exemplos de alguns escritores e poetas portugueses que referem a ciência nas suas prosas, reflexões e poesias.
Ficou lançado o mote para inspirar os alunos em alguns textos que têm de apresentar nos seus portefólios!


Semana da Cultura Científica | Exposição na BE

terça-feira, 20 de novembro de 2018

3.ª Conferência do Plano Nacional de Cinema | Entre Espaços : a Escola e o Cinema


"O cinema é uma janela para pensar o mundo
Catarina Mourão (cineasta de documentário)


No passado dia 17 de novembro, a equipa do Plano Nacional de Cinema da escola esteve presente na 3.ª Conferência do PNC, que decorreu na Cinemateca Portuguesa.


A sessão de abertura da Conferência teve a intervenção dos Diretores da Cinemateca e do ICA, da Coordenadora do PNC, Elsa Mendes, do Diretor da DGE, do Secretário de Estado da Educação, João Costa, e da Secretária de Estado da Cultura. 


O 1.º Painel "O Cinema: convite à criação do mundo", moderado pelo crítico de cinema Carlos Natálio, fez uma incursão na relação que existe entre o cinema e o seu ensino, já que três dos elementos da mesa (João Mário Grilo, Catarina Mourão e Pedro Sena Nunes) são realizadores e professores de cinema.

O 2.º Painel "C2 - Cinema é no Cinema: experiências de formação cinematográfica", moderado pela Coordenadora do PNC, centrou-se na apresentação de alguns projetos escolares centrados no cinema, nomeadamente o projeto "Olhar pela lente", apresentado por Pedro Alves, com o intuito de, pelo cinema, combater o insucesso e o abandono escolar, promovendo a autonomia, o espírito de grupo e a responsabilidade dos alunos envolvidos.
Da parte da tarde, houve uma sessão dupla de cinema com os filmes "O Vento Levar-nos-á" do iraniano Abbas Kiarostami (1999) e "O Santo dos Pobrezinhos" de Roberto Rossellini (1950).



domingo, 18 de novembro de 2018

Sessão "Aníbal Milhais, Um herói chamado Milhões"



Pela mão do ator Diogo Carvalho, os alunos das turmas do 9.º ano e de algumas do 10.º e 12.º anos receberam na escola a "visita" de Aníbal Augusto Milhais, o Soldado Milhões. O nosso herói da Primeira Guerra Mundial "contou" a sua história desde a vida esforçada no campo da sua aldeia natal, onde nunca foi à escola, até ao reconhecimento através da mais alta honraria nacional: Ordem Militar da Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito. Pelo meio, descreveu os horrores da guerra e da Batalha de La Lys onde se disponibilizou para garantir, sozinho, a retirada de parte das forças portuguesas e britânicas.
Foi um momento marcante que deu a conhecer aos nossos alunos este herói nacional e os sensibilizou para o enquadramento histórico e social da época.
Agradecemos à Imprensa Nacional-Casa da Moeda pelo projeto desenvolvido a partir da coleção "Grandes Vidas Portuguesas", dedicada às vidas de personalidades que se destacaram em vários domínios da nossa história, e ao ator Diogo Carvalho que dá voz a estes protagonistas!

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Teatro "A Viúva e o Papagaio"


Hoje, foi grande a diversão nas turmas do 5º ano em “A viúva e o papagaio”, peça adaptada do conto homónimo de Virgínia Wolf pela Companhia de Teatro “Lanterna Mágica”.

Este grupo de teatro proporcionou aos alunos da escola uma fantástica experiência com momentos de teatro, de música, e até de ventriloquismo, sempre recheados com uma grande dose de boa disposição. É também de destacar a enorme interação conseguida entre os atores e o público, ao ponto de alguns alunos participarem entusiasticamente na peça.

Também a mensagem do conto da escritora britânica – a força da amizade – foi passada com grande alegria! O espetáculo terminou com música e dança e muita vontade de ler ou reler o conto que, em breve, será estudado na aula de Português!

quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Desafio de Escrita


Semana da Cultura Científica


Sessão de cinema "Pedro e Inês"



No passado dia 8, os Professores do Grupo 410 organizaram uma ida ao cinema com o objetivo de os alunos poderem observar, in loco, aquilo que haviam aprendido na palestra proferida pela Professora Cristina Janicas a propósito do filme Pedro e Inês, de António Ferreira.

Esta atividade revelou-se de extrema importância uma vez que os alunos objetivaram conceitos e aprendizagens teóricas com o visionamento do filme. Além disso, a própria ida ao cinema constituiu uma atividade muito enriquecedora para os alunos que, por variadas razões, não costumam ter a oportunidade de aí se deslocarem.
Os alunos das turmas D, F, I, J e L do 10º ano e os alunos das turmas D,H, I, J e L do 11º ano, em debate posterior, realizado em sala de aula, revelaram ter compreendido que o cinema é uma ferramenta didatico-pedagógica determinante na introdução/consolidação de conteúdos programáticos, é uma metodologia potenciadora do desenvolvimento do espírito crítico e criativo e, no caso deste filme em particular, uma vez que o mesmo narra a considerada mais bela história de amor em Portugal, decorrida na cidade de Coimbra.
Salienta-se a forma interessada, empenhada e atenta com que os alunos assistiram à sessão de cinema.
Os professores
Patrícia Porto e Hernâni Gomes

Exposição "Retratos a carvão e sanguínea"



Os desenhos que estão expostos nos vidros do Átrio da Escola têm como título: "Retratos a carvão e sanguínea" e são trabalhos realizados pelos alunos de Desenho do 12ºD, sob a orientação da professora Marina Pacheco.

quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Sessão "Aníbal Milhais, Um herói chamado Milhões"


Stop Cyberbullying, start CYBERLOVING



Uma delegação de alunos da Escola Básica e Secundária Quinta das Flores integrou um grupo de cerca de sete dezenas de estudantes de quatro países (Grécia, Itália, Portugal e Turquia), que durante cinco dias discutiu diversas questões relacionadas com o combate ao Cyberbullying. O encontro realizou-se na cidade de Pontedera, na região da Toscânia, Itália, no âmbito do projeto ERASMUS+, European Step to Stop Cyberbullying, que já contou com um intercâmbio em Coimbra, em março último e, na próxima primavera, contemplará uma reunião em Kavala, na Grécia. Prevenir, escutar e dialogar são palavras muito importantes no combate à violência - Bullying e/ou Cyberbullying. Neste sentido, os trabalhos realizados e as sugestões concretas registadas pelos jovens ao longo da semana sobre o combate ao cyberbullying demonstraram grande capacidade de reflexão e espírito crítico. As conclusões apresentadas na sessão de encerramento, que decorreu no Auditório do Museu Piaggio, contemplaram propostas de ação, que foram bem acolhidas pelos representantes das instituições locais presentes. As mensagens deixadas foram dirigidas a todos os jovens, aos pais, à escola e às instituições governamentais relativas à prevenção e à ação em situações de Cyberbullying. Slogans como "Making someone feel weak doesn't make you feel strong" ou "Stop Cyberbullying, start CYBERLOVING" refletem bem o entusiasmo com que estes jovens se dedicaram ao tratamento do tema nas diversas sessões de trabalho colaborativo, através do uso da língua inglesa. O vereador da cultura local, Giovanili Mattia Belli, após ter escutado a apresentação dos alunos, felicitou-os e destacou a importância destes trabalhos que mostraram as necessidades dos jovens de forma clara, objetiva e pertinente, mais do que as instituições conseguiram fazer nos últimos anos, assegurando que as mesmas propostas serão integradas na mesa de trabalho sobre bullying, que o Município de Pontedera terá com as associações e instituições envolvidas na discussão que terá lugar nos próximos dias.
Graça Trindade

Sessão de Cinema "Pedro e Inês"


Na semana em que se comemorou o Dia Mundial do Cinema (5 de novembro), algumas turmas do 10.º e 11.º anos da nossa escola deslocaram-se ao Alma Shopping para assistir, nos Cinemas NOS, ao filme "Pedro e Inês", realizado por António Ferreira, uma atividade organizada pelo Grupo de Filosofia.

Inspirado na lenda de Pedro e Inês e adaptado do romance “A Trança de Inês” de Rosa Lobato de Faria, o filme narra uma história de paixão ao longo de três épocas: na Idade Média, onde tudo originalmente aconteceu, no tempo atual, em que Pedro e Inês são arquitetos numa grande cidade e, num futuro distópico, onde as pessoas fogem das cidades para o campo para sobreviver. Pedro e Inês encontram-se e apaixonam-se até à perdição, imortalizando a mais trágica história de amor portuguesa.
"Pedro e Inês reencontram-se através dos tempos, uma e outra vez. Mas, quaisquer que sejam as circunstâncias e a época em que vivam, o seu amor é  impossível…"

O visionamento deste filme foi preparado na sessão "O cinema como ferramenta didático-pedagógica", realizada no Grande Auditório da escola, no passado dia 18 de outubro, pela professora Cristina Janicas.
Estando a nossa escola integrada no Plano Nacional de Cinema, estas atividades revelam-se uma mais-valia na valorização do cinema pelos alunos.