quarta-feira, 15 de junho de 2011

Exposição de Azulejaria


No hall de entrada podem visitar uma Exposição de Azulejaria com trabalhos dos alunos do 10º F, realizados sob a coordenação da professora Ana Vinhas. O trabalho realizado pelos alunos contou com o apoio da empresa Keramos - Produtos Cerâmicos, Lda, que forneceu as tintas e assegurou o processo de cozimento.

terça-feira, 14 de junho de 2011

Curso Tecnológico de Desporto

Os professores do Curso Tecnológico de Desporto apresentaram, no hall de entrada, uma panorâmica das actividades realizadas, durante este ano lectivo, pelos alunos do 10º, 11º e 12º anos.

Felizmente há Luar

Trabalhos realizados pelos alunos do 12º ano, na disciplina de Português, sobre a obra "Felizmente há Luar", de Luís de Stau Monteiro. A partir do estudo das categorias do texto dramático, os alunos procederam à análise e ilustração desta peça.

Exposição de Geografia

 

As turmas do 12º ano de Geografia têm expostos, no hall de entrada, trabalhos realizados sobre os contrastes entre países desenvolvidos e subdesenvolvidos.

Exposição de Inglês


Na Sala de Estudo de Inglês/Alemão estão em exposição cartazes alusivos a vários aspectos da história, geografia e cultura do Reino Unido e dos Estados Unidos da América. As turmas de Inglês do Secundário têm visitado a referida exposição respondendo a um questionário previamente elaborado pelos professores do 9º Grupo.

Conceptual Art


Encontra-se no hall de entrada a exposição "Conceptual Art", com trabalhos dos alunos do 11º F, elaborados na disciplina de Desenho A, sob a orientação da professora Sílvia Almeida.

CONCEPTUAL ART

A partir de um ou mais objectos em “fim de vida” os alunos tiveram de conceber um objecto escultórico ou instalação de raiz conceptual, no qual a ideia ou conceito é o aspecto mais importante da obra. O que significa que todo o planeamento e decisões são tomadas antecipadamente, sendo a execução um assunto secundário. A ideia torna-se na máquina que origina a arte.

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Personificação de uma pintura



A comunidade escolar teve hoje oportunidade de observar e admirar a exposição de trabalhos de Desenho A da turma do 11º F realizados sob a orientação da professora Sílvia Almeida.
Foi uma exposição diferente que a todos surpreendeu pela sua originalidade. Parabéns a alunos e professora!

A professora Sílvia Almeida explica o processo criativo:
"Pediu-se aos alunos que escolhessem um clássico da pintura para recriar fotograficamente, personificando o personagem representado.
O exercício que servia de pretexto para o estudo de um pintor, de um movimento e de uma obra específica, proporcionou uma diferente abordagem à obra pictórica a partir da sua estrutura e organização dos elementos espaciais, lumínicos, cromáticos e compositivos.
O meio expressivo abordado vai para além da fotografia: é foto performace, um privilegiado formato contemporâneo. O aluno é levado a cumprir com o próprio corpo alguns dos papéis clássicos da arte plástica: o de autor (fotógrafo, no caso), o de modelo e o de performer.
Neste caso, o exercício extravasou o pretendido quando, ao ser desenvolvido a par do espaço da aula, levou à participação das famílias que colaboraram na sua execução".

Concurso de Caligrafia


Estão apurados os alunos vencedores do Concurso de Caligrafia : a Sara Pereira, do 7º B, o Ricardo Ribeiro, do 7º C e a Ana Castanheira, do 7º D. Os nossos parabéns aos três!

sexta-feira, 3 de junho de 2011

Noite de Teatro na ESQF

No próximo dia 9 de Junho, pelas 21 horas, no Auditório do Conservatório de Música de Coimbra/Escola Secundária da Quinta das Flores, a noite é de Teatro.

Sequência da apresentação/Programa:

* Acordai - (Adaptação livre de Texto J.Vieira Lourenço) Oficina de Teatro do 8º A
* O Soldado João (Adaptação livre do Texto de Luisa Ducla Soares) Oficina de Teatro do 8º B
* Romeu e Julieta, Ontem , Hoje e Sempre! Alunos de Teatro do 9º ano
* Graças e Desgraças de El Rei Tadinho, Monarca Iluminado do Reino das Cem Janelas ( Adaptação livre da obra de Alice Vieira) - Grupo Hybris


Grupo Hybris
ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO QUINTA DAS FLORES
Graças e Desgraças da Corte de EL-REI-TADINHO Monarca iluminado do Reino das Cem janelas
(Sinopse)
     Segundo reza o livro de Leis do Reino das 100 janelas a crise quando nasce é para todos!
     Vivem-se tempos difíceis Na corte. Chove no palácio, os telefones já estão cortados e para ajudar à festa o Rei manda proclamar que dá a mão da filha (que não tem!) a quem mate o terrível Dragão que apesar de tudo ainda vai dando energia para alimentar o reino.
     A crise está instalada! Resta saber como é que se vai sair dela!

Ficha Técnica

Encenação e adaptação dramatúrgica do texto de Alice Vieira : Professor J. Vieira Lourenço

Músicas Originais : António Calado e José Miguel (7º ano)

Cenários, Guarda Roupa e Caracterização: Alunos das turmas de Artes e Professora Ana Vinhas

Personagens e Intérpretes
Narradores (Francisco Soutinho e Carolina Barbosa)
Côro (Inês Rocha, Inês Nunes; Maria Candeias)
El-Rei- Tadinho- Bernardo Almeida
Conselheiro – Filipe Sousa
Físico da Corte – João Rocha
Mestre de Dança – Eduína Fazenda
Cozinheiro – Teresa Queirós
Dragão – Ana Alcoforado
Bruxa da Corte – Ana Carolina
Gatacabelbranpel – Beatriz Melo
Bruxa Velha – Sofia Rocha
Bruxa Prafrentex- Sofia Dias
Bruxa Sindicalista – Eva
Avó – Maria Melo
Fada Riquezas – Diana Santos
Duração 1h
Historial do Grupo Hybris
O Grupo Hybris nasceu em 1993. Entre 1993 e 1998 o grupo participou em diversos festivais de teatro escolar em Coimbra, Portalegre e Figueira da Foz. Participou igualmente em 2003 no Projecto Coimbra Capital Nacional da Cultura onde apresentou Da Festa da Verdade à Feira da Mentira um projecto que juntou três textos vicentinos - Auto da Festa; Velho da Horta e o quadro Todo o Mundo e Ninguém. Ainda nesse ano apresentou Os Gnomos de Gnu de Umberto Eco.
De 2005 a 2010 participou nas seis Mostras de Teatro Escolar de Coimbra, onde apresentou: Alice no Portugal das Maravilhas uma adaptação livre do texto de Lewis Carroll (2005); Aventuras de João Sem Medo de José Gomes Ferreiras (2006); Zapinguite Portuga (2007) Cenas (2008), Feira Vicentina (2009) O Velho da Horta (2010).
O Grupo actual é constituído por alunos e alunas do 3º Ciclo e do Secundário.
É dirigido desde a sua fundação pelo professor José Vieira Lourenço.


Contactos.
Grupo Hybris – Escola Secundária Quinta das Flores. Rua Pedro Nunes - 3030-199 Coimbra
Tel: 239 791 230 I Fax: 239 405 140; Email: jvieiralster@gmail.com

Prémio Pritzker 2011 para Souto Moura

O arquitecto Eduardo Souto de Moura venceu o prémio Pritzker 2011, o maior galardão mundial na área da arquitectura.
"Durante as últimas três décadas, Eduardo Souto Moura produziu um corpo de trabalho que é do nosso tempo mas que também tem ecos da arquitectura tradicional. Os seus edifícios apresentam uma capacidade única de conciliar características opostas, como o poder e a modéstia, a coragem e a subtileza, a ousadia e simplicidade - ao mesmo tempo”, pode-se ler no comunicado emitido pelo júri do prémio.
Entre os projectos mencionados, o júri destacou a obra do Estádio Municipal Braga, mais conhecido como o estádio AXA, construído numa antiga pedreira.

Além do Estádio Municipal de Braga (2000/03) destacam-se, entre as suas obras mais conhecidas, a Casa das Histórias em Cascais, a Casa das Artes no Porto (1981/91), a Estação de Metro da Trindade, o Centro de Arte Contemporânea de Bragança (2004/2008), o Hotel do Bom Sucesso em Óbidos, o Mercado da Cidade de Braga (1980/84), a Marginal de Matosinhos-Sul (1995), o Crematório de Kortrijk (Bélgica), o Pavilhão de Portugal na 11ª Bienal de Arquitectura de Veneza (Itália) (1985) ou a Casa Llabia (Espanha).


Nascido em 1952, no Porto, Eduardo Souto de Moura é o segundo arquitecto português a receber esta distinção, depois de Álvaro Siza Vieira ter vencido em 1992. O arquitecto sucede, assim, a nomes como Oscar Niemeyer (1988), Frank Gehry (1989), Norman Foster (1999) e Zaha Hadid (2004). No ano passado a Fundação Hyatt distinguiu a dupla de japoneses Kazuyo Sejima e Ryue Nishizawa.

Parabéns a Souto Mouro por este prémio, o Nobel da Arquitectura! 

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Calendário Poético online da BMC


O Calendário Poético online da Biblioteca Municipal de Coimbra é sustentado/alimentado durante todo o mês de Junho pela nossa escola com poemas originais da autoria de alunos e professores da ESQF e também do Conservatório de Música de Coimbra. Não deixem de o visitar e apreciar a imaginação e criatividade da nossa comunidade escolar!