Correspondência escolar além fronteiras

Durante as férias de Natal de 2012, os alunos do 6º Ano da nossa escola leram o conto "Por avião", de Ravi Mangla, que refere uma situação de correspondência escolar entre um menino da Índia e outro dos EUA.
Neste contexto, a professora de Português, Graça Trindade, lançou um desafio: "E se fizéssemos um projeto de correspondência escolar com os amiguinhos de Florianópolis?" (Os alunos tinham conhecido os colegas brasileiros através do Projeto Red E-culturas, de que já demos notícia anteriormente).
"Mãos à obra"!- foi a resposta imediata de todos.

Do outro lado do Atlântico, a professora Mariley aceitou logo a ideia e, enquanto os meninos do Brasil estavam de férias grandes, os de cá, de Portugal, escreviam já as cartas.

Quando os meninos de Florianópolis iniciaram o novo ano letivo, a 14 de fevereiro, tinham uma grande surpresa à sua espera - as cartas dos alunos portugueses!
A notícia saiu nos jornais locais de Florianóplolis. Entretanto, os alunos brasileiros responderam e as suas cartas chegaram à nossa escola em meados de abril. A receção gerou grande euforia nos nossos alunos e rapidamente as respostas começaram a atravessar o Atlântico!


 
 
 

Comentários

GT disse…
Tem sido um prazer trabalhar com estes alunos nos dois últimos anos.
Todos os desafios propostos são agarrados com entusiasmo e eles próprios têm sido um desafio para mim.
Obrigada por tudo o que me têm dado!
Oi!
Para nós também está sendo uma alegria enorme. Eles tem se empenhado muito em ler e responder as cartinhas. Agradecemos muito a oportunidade e um grande abraço a todos esses alunos maravilhosos.

Joseane

Mensagens populares deste blogue

Desafio "Há poesia na escola" | Rede de Bibliotecas de Coimbra | A força da palavra