A Biologia e a Geologia na Literatura

O projeto "A Biologia e a Geologia na Literatura" é um Projeto da turma A do 10º ano para ser desenvolvido ao longo do ano letivo, em parceria com a Biblioteca Escolar.
A ideia partiu da disciplina de Biologia e Geologia e tem como objetivo principal alargar os horizontes culturais dos alunos, incentivando-os para a pesquisa e leitura de livros que façam referência a assuntos relacionados com os temas tratados na aula, entrelaçando a ciência e a literatura. Desta forma, a ciência adquire a dimensão de romance, aventura, filosofia ou poesia. Ler um livro passa a ser um trabalho de campo onde é possível descobrir paisagens geológicas fantásticas, viagens incríveis, aventuras perigosas e amigos improváveis…
Os livros que forem apresentados serão divulgados na Biblioteca e no respetivo Blog servindo de antecâmara para muitos e bons encontros com autores, livros e ciência.
Dadas as características do Projeto, a disciplina de Português foi convidada a colaborar numa perspetiva interdisciplinar.
Começamos com uma escolha minha.
Decidi apresentar um livro por demais conhecido mas nem por isso menos digno de honras de abertura:  Le Petit Prince - O Principezinho.
Beatriz Ladeiro, Professora de Biologia e Geologia

 
Le Petit Prince é uma obra do escritor, ilustrador e aviador francês Antoine de Saint-Exupéry, publicada em 1943, nos EUA.
A História, cheia de simbolismo, começa no deserto do Sahara, onde o piloto, deparando-se com uma avaria no seu avião, conhece um rapazinho encantador que lhe pede para desenhar uma ovelha.
A partir daí, o principezinho, vindo do céu, do Asteróide B612, vai dando a conhecer ao aviador, também ele vindo do céu, como era o seu pequeno planeta, com os seus vulcões em miniatura e uma linda rosa vermelha.
Como este ficava próximo dos asteroides 325, 326, 327, 328 e 329, resolveu começar a visitá-los. Em cada um deles havia um habitante diferente: um rei, um vaidoso, um homem de negócios... até que um geógrafo o aconselhou a visitar o Planeta Terra, dizendo que é um Planeta com boa reputação...
Sendo aparentemente uma história infantil, é uma das obras mais lidas por pessoas de todas as idades que não ficam indiferentes à mensagem do autor - o mais importante é muitas vezes invisível para os olhos...
Numa altura em que os humanos deram mais um grande passo no conhecimento do nosso universo e das nossas próprias origens, visitando pela primeira vez, o núcleo de um cometa, o cometa 67/P, parece-me um bom livro para ler ou reler.
                                                            
      Beatriz Ladeiro, Professora de Biologia e Geologia
 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Desafio de Escrita "Coimbra inspira-me" | Textos Vencedores