PNL | 3 de maio | Dia da Mãe

“Juntos, trocavam tardes de domingo, descanso beijinhos e coisas mornas de mãe e filho. Enchiam a barriga de brincadeiragem. Ele fazia corridas com a mãe, brincava às escondidas com ela e a um jogo secreto que se chama “Não tens nada a ver com isso”. (…) a mãe, tomava conta do seu filho. Empregava-lhe toda a espécie de mimos, chamava-lhe “meu menino-filho-docinho- de mel” ou “meu filho-docinho- de- amor- de- mel” e tomava conta dele.“
A Mãe que chovia, José Luís Peixoto

“No coração envelhecido de uma mãe, os filhos regressam sempre tarde.”
 O Último Voo do Flamingo, Mia Couto

  • Livros PNL
    Livros PNL
    para ler com as Mães
    Leia 
  • Arte
    Arte para Grandes Mães
    Vários
    Leia 
  • literatura
    Grande Literatura para Grandes Mães
    Vários
    Leia 
  • Mãe
    Grandes Mães, Grandes Músicas
    Vários
    Leia 
  • Durrels
    Festejar o Dia da Mãe
    Vários
    Leia 
  • Feliz Dia
    Feliz Dia da Mãe
    Vídeo
    Leia 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Desafio de Escrita "Coimbra inspira-me" | Textos Vencedores